Criança

Escola cria mascote para crianças com problemas de adaptação

Uma alternativa simples que ajudou muitas crianças

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

pai e filho

Foto: iStock

 

 

 

Anúncio

FECHAR

 

 

 

 

 

 

 

 

Se seus filhos já tiveram ou têm problemas para se adaptar aos primeiros dias na escola, você sabe o quão difícil é.

Para ajudar na adaptação de crianças de até 3 anos, o grupo educacional Colinho de Mãe, do Distrito Federal, desenvolveu um projeto inovador: um boneco de tecido com gravador para os pais registrarem a voz nos momentos de saudade da criança.

Leila Maia, Pedagoga e diretora do Grupo Colinho de Mãe, explica que mais de 80% das crianças têm dificuldade na adaptação. “Quando as crianças ingressam na escola pela primeira vez, elas saem de um ambiente que é totalmente familiar, para um ambiente grande, com muitas crianças. Elas têm que dividir a atenção, têm que dividir tudo! Isso gera uma ansiedade, e é muito comum. Foi para amenizar essa dificuldade que nós desenvolvemos um mascote, e isso aconteceu no início desse ano.”

E o melhor: além das mensagens, os pais também podem deixar o cheiro deles para os filhos se sentirem mais perto deles. Que demais!

“Para facilitar o processo, eu imaginei algo que pudesse oferecer aconchego para a criança e uma voz familiar proporciona isso para a maioria. Então, nasceu a ideia de um mascote que tivesse som. A criança abraça o mascote e ouve a voz da mamãe ou do papai. Isso traz um certo alívio, pode ser que seja momentâneo, mas ali nós estamos convivendo com momentos. Nós queremos melhorar alguns momentos para tentar melhorar o todo.”

Leila também ressalta que como a escola é um lugar onde a criança passará grande parte da vida, não é recomendável que os pais façam visitas às salas no período de adaptação.

Leia também:

A Biba do “Castelo Rá-Tim-Bum” está grávida!

Disney e Pixar lançam o primeiro teaser de “Os Incríveis 2”

“A gente tem a mania de querer que o outro faça do nosso jeito”, afirma Carol Melhem

Pais&Filhos TV