Notícias

“A cor do meu filho faz com que as pessoas mudem de calçada”, diz Thais Araújo

A atriz também apontou as diferenças entre criar um menino e uma menina, assista ao vídeo

Redação Pais&Filhos

Redação Pais&Filhos

0 thais

(Foto: reprodução Youtube)

Thais Araújo gerou comoção nas redes sociais após a sua palestra no evento “Mulheres que Inspiram”, no TEDx, em São Paulo, ser divulgada na internet. Desde que foi disponibilizado no Youtube, mais de 66 mil pessoas assistiram ao vídeo intitulado “Como criar crianças doces num país ácido”. Nele, a mãe de João Vicente, de seis anos, e Maria Antônia, dois anos, fala sobre diferenças de gênero e racismo.

“O meu filho é um menino negro e liberdade não é um direito que ele vai poder usufruir. Se ele andar pelas ruas descalço, sem camisa, sujo ou saindo da aula de futebol, corre o risco de ser apontado com um infrator, mesmo com seis anos de idade”, diz a atriz. Ela ressalta que no Brasil, a cor de João Vicente é a cor que faz com que as pessoas mudem de calçada, escondam as suas bolsas e blindem seus carros. 

A atriz cita o mapa da violência no Brasil. “Temos algumas vitórias, muito poucas, mas queria ressaltar uma: o número de feminicídios contra mulheres brancas caiu 9,8%. É muito pouco para o que a gente deseja para nossas irmãs brancas, mas caiu. Já o número de feminicídios contra mulheres negras aumentou 54,8%. É ou não pra ficar apavorada?”, questiona a artista. 

Anúncio

FECHAR

Apesar do cenário pessimista, ela diz que não vai perder a esperança. A brasileira termina a sua fala convidando as pessoas a repensarem as suas atitudes. “As ações individuais geram impacto diretamente no coletivo. E o coletivo somos nós. As pequenas ações são valiosas e são capazes de mudar o mundo. E onde começa o mundo senão em nós mesmos?” 

Leia também:

O racismo acontece todos os dias

De perto ninguém é igual 

Brincadeira não tem gênero

Pais&Filhos TV